principais jogos,Informações do jogo,jogos mais recentes

TRIBES 3: Rivals promete ser um sucessor digno do jogo de tiro multijogador mais rápido já criado

25 03
autor:admins|Classificação:notícias de jogos

A série Tribes faz parte dos jogos de tiro multijogador mais tradicionais e um dos mais distintos. Enquanto na maioria dos jogos de tiro os jogadores correm em labirintos complicados e bem projetados, Tribes ambienta a ação em enormes e sinuosas paisagens de ficção científica, onde os jogadores usam mochilas a jato e botas de flutuação sem atrito para voar e esquiar pelas encostas a uma velocidade incrível. Seu tiroteio tem tudo a ver com impulso e previsão, ou seja, ajustar seus tiros para acertar não onde os jogadores estão, mas sim onde estarão em uma fração de segundo. Abater um inimigo é sempre uma vitória, enquanto conseguir uma eliminação perfeita é como vislumbrar o futuro.

TRIBES 3: Rivals

É algo único, o que torna ainda mais trágico o fato de a série estar parada há mais de uma década. Seu lançamento mais recente, o excelente Tribes: Ascend, encerrou os servidores em 2016. No entanto, no ano passado, a Prophecy Games anunciou um novo título da série: TRIBES 3: Rivals. Depois de jogar a demo lançada recentemente, posso afirmar que o jogo está indo na direção certa (em velocidades normalmente reservadas para aeronaves leves). 


A demo deu acesso a dois modos de jogo: um mata-mata de 4 contra 4 estilo ''todos contra todos" e um de capturar a bandeira de 12 contra 12, este que sempre foi o modo de jogo predominante de Tribes e o que eu joguei a maior parte do tempo. É um cenário clássico de capturar a bandeira: pegue a bandeira inimiga e leve-a de volta à sua base para marcar um ponto. Se a sua bandeira também tiver sido capturada, você precisará recuperá-la antes de pontuar.


O que diferencia Tribes de outros jogos de tiro multijogador é a movimentação. Ainda que seu personagem possa correr normalmente pelos mapas, isso não levará você a lugar algum, exceto à morte. Em vez disso, o movimento é controlado principalmente por uma mochila a jato. Isso ajuda você a sobrevoar as diversas colinas de uma determinada arena, mas, mais importante, permite descer de novo, aumentando a velocidade ao fazer isso. Ao aterrissar na encosta de uma colina, manter pressionada a tecla Shift permite que você "esquie" pela encosta, acelerando ainda mais o personagem. Ao combinar os dois, os jogadores podem se mover com uma velocidade incrível e se lançarem em grandes distâncias pelo mapa.

TRIBES 3: Rivals

Na maior parte do tempo, TRIBES 3 repete bem a fórmula de movimento da série, e não me refiro só ao fato de que se lançar pelo mapa como uma bala de canhão humana é uma sensação fantástica. TRIBES 3 combina impulso e inércia de uma forma que torna o domínio do movimento do jogo um desafio único. É preciso saber avaliar quando usar a mochila a jato e quando esquiar. Se acelerar demais na elevação, você ultrapassará a descida e baterá na lateral da próxima colina, acabando com todo o impulso e tornando-se uma presa fácil para outros jogadores que estiverem voando por cima.


Tudo isso já faz parte da jogabilidade clássica de Tribes, e TRIBES 3 acerta em cheio nesses fundamentos, embora alguns ajustes possam ser necessários. A mochila a jato poderia ter mais potência, pois o impulso se esgota após alguns segundos. É preciso também fazer uma diferenciação maior entre as três classes disponíveis no jogo, que permitem que você escolha entre personagens "Light" (leves) ágeis, porém vulneráveis; personagens "Heavy" (pesados) lentos, porém resistentes; e uma versão "Medium" (média) equilibrada. Os personagens leves poderiam ser um pouco mais rápidos, e os pesados poderiam ser um pouco mais resistentes. No entanto, os desenvolvedores ainda têm algum tempo para resolver isso antes do lançamento final do jogo.


Da mesma forma, o combate é bem fiel ao legado da série. As batalhas com outros jogadores em TRIBES 3 são menos sobre quem acerta a cabeça de quem primeiro e mais sobre quem consegue se manter mais tempo no ar e prever melhor os movimentos do outro jogador. Para isso, muitas das armas do jogo são criadas com base no tempo e na antecipação, como o Spinfusor (Fusor Giratório), que dispara um disco lento em uma linha reta, e o Thumper (Lançador), um lançador de granadas semiautomático com projéteis que se curvam em um arco descendente.

TRIBES 3: Rivals

O combate de TRIBES 3 lembra muito as danças letais de Ascend e dos jogos anteriores, com os jogadores competindo para permanecer no ar por mais tempo e ajustando o tempo de seus projéteis para atingir os inimigos no chão. A maior parte do dano causado é indireto, com os explosivos fazendo os jogadores ricochetearem como bolas de pinball, forçando-os a ajustar suas trajetórias. Pode acontecer de você acertar um golpe direto, e essa é uma das melhores sensações nos jogos. TRIBES 3 entendeu isso direitinho, fazendo um som gratificante de "cá-tchim!" ao acertar um adversário com o Spinfusor.


Atualmente, o Spinfusor de TRIBES 3 é a arma preferida. O disco se move com rapidez e o raio de projeção é grande. Ele é tão direto que as outras armas do jogo — que incluem pistolas, fuzis de precisão e espingardas — são menos eficazes do que deveriam. (A metralhadora é útil para abater inimigos com pouca vida). Até mesmo o Thumper, que é a minha arma favorita no arsenal de Tribes, é inferior ao poderoso Spinfusor.


Rivals é mais compacto e restrito do que os jogos anteriores da série. Não existem veículos, por exemplo, e a seleção de classes foi reduzida de nove para os três arquétipos já mencionados (embora cada um tenha um equipamento personalizável). Até mesmo os mapas são menores do que os encontrados em Ascend, mas isso não quer dizer que sejam pequenos. Nos mapas de capturar a bandeira, ainda temos espaço de sobra para planejar a corrida até a bandeira e agarrá-la na velocidade e direção ideais — ou para nos encontrarmos a meio quilômetro de distância do nosso objetivo ao lutar contra um adversário.

TRIBES 3: Rivals

TRIBES 3 adiciona uma mecânica moderna. Cada classe pode escolher habilidades que proporcionam uma breve vantagem em combate, como a habilidade da classe leve de se tornar invisível por alguns segundos e a habilidade da classe média de converter a energia da mochila a jato em um escudo que deflete danos. O mais importante é que eles não alteram radicalmente o estilo do jogo. Em vez disso, o objetivo é adicionar um pouco de estímulo tático, para que você permaneça na luta por mais tempo e descubra como derrotar seu adversário.  


Enfim, é gratificante ver o retorno triunfal de Tribes. Ascend e seus predecessores foram alguns dos jogos de tiro competitivos mais emocionantes e recompensadores já criados, e não existe qualquer outro jogo multijogador que ofereça a mesma combinação de movimento baseado em habilidades e combate com raciocínio avançado. TRIBES 3 pode precisar de alguns ajustes, mas claramente reconhece o apelo fundamental da série, e eu já preparei meus esquis para quando a versão de Acesso Antecipado chegar logo mais.


Navegar69 Comente0
return
Table of contents
return
primeira página
Rainbow Six Siege: guia para iniciantes Para você, qual é o melhor gênero de jogo?

Comente